T√£o linda ela!

Vestida de…

Seu corpo flui com os ciclos da vida, com as fases da lua, com as esta√ß√Ķes.
Mas poucas se d√£o conta disto.
E muitas das que se ‘d√£o conta’, sabem dos ciclos de seus corpos, pois leram em algum lugar, participaram de algum rito, foram conceitualmente apresentadas para sua pr√≥pria natureza ‘biol√≥gica’. Mas n√£o te parece estranho ter de ser apresentada para sua pr√≥pria natureza?

Elas tem corpos multiorg√°sticos, mas foram doutrinadas para olhar para seus corpos como padr√Ķes est√©ticos a serem alcan√ßados, para agradar √† ‘clientela’, e mesmo sendo multiorg√°sticas, apenas cerca de quarenta por cento delas, j√° sentiu este estremecer em gozo.

Autora do texto: Dev √© psic√≥loga, com v√°rias especializa√ß√Ķes internacionais e trabalha h√° mais de 20 anos com desenvolvimento humano e Feminilidade

… Muitas destas ‘Flores’,
nem sequer olharam para a pequena flor que carregam entre as pernas e se assim √©… Imagina ent√£o tocar e sentir seu perfume…

N√£o pode!
Deus est√° vendo!
Eca que nojo!

Quem disse isso?

√Č un√Ęnime a percep√ß√£o de um potencial gigante em sensibilidade, intelig√™ncia, criatividade, independ√™ncia e liberdade. O tantra diz que a mulher ‘movimenta’, ‘sustenta’, onze vezes mais energia do que o homem, no entanto a maioria vive ‘desanimada’ (desconectada da alma) e esquecida deste potencial.
√Č que ela foi insistentemente domesticada por milhares de anos. Um dos maiores grilh√Ķes que lhe foram colocados, √© transformar seu potencial em sentir e amar em depend√™ncia emocional. Assim… Grande a maioria delas chama de amor, a um orbitar carente de entrega, servi√ßo e frustra√ß√£o, ao redor da fam√≠lia e do relacionamento afetivo sexual.
Longe da carência, permanece o sentir, a paixão, criatividade, liberdade, o Amor.
Liberdade?
Os brinquedos que lhe s√£o ofertados na inf√Ęncia j√° dizem um tanto da aus√™ncia disso.
E se voc√™ pegar um carro para longas viagens, ver√° que s√£o bem poucas as que se aventuram sozinhas em longas jornadas, mesmo sendo reconhecidamente mais prudentes ao volante. ‘√Č perigoso!’
– Sim… √Č muito perigoso se descobrirem.
Calma…

Vem para o JARDIM NAS NUVENS РExperiências online que acontecem nas quartas ou sábados РClique para ser informado.

… Nada a se revoltar.
Não se pode roubar a luz do sol ou da lua, com janelas. Está tudo disponível aqui, mesmo que aparentemente distante.
No post, uma gravura, linda e divertida.
FOLHAS tampando FLORES.
Sim. O ‘homem’ tem um exuberante pistilo entre as pernas. A cultura disfuncional tamb√©m o oprime, levando sua psiqu√© muitas vezes a girar em torno disso: Pot√™ncia! Nos motores dos carros, no tamanho de seu √≥rg√£o sexual, no ‘har√©m’ que adoraria possuir, no poder que alcan√ßa no mundo… competi√ß√£o, opress√£o… FALO mais? FALO nada
Na mesma imagem a mulher flor… Onde cada poro, cada pelo, cada fio de cabelo, se conecta com a grande roda da vida.
FOLHA …

PADMA РUm Programa incrível em um lugar maravilhoso próximo a BH com mulheres maravilhosas. Veja!

… Escondendo a ‘vergonha’ de experimentar t√£o pouco de tanta do√ßura, criatividade, beleza, e harmonia, que recebeu de gra√ßa para viver em GRA√áA.
Uma burca de doutrinação.
P√°ra Isso!
Para isso…
Dispa-se de tudo que voc√™ aprendeu a chamar de “EU”
Ahhhh…
Para√ćSO.

Autoria: Joelma Silva (Dev)